• Pontaria Novo Governo
  • BOLETOS ON-LINE
  • coffee news mudou para melhor
  • sindeprestem 2018
  • CONTRIBUIÇÃO PATRONAL 2018

10/07/2019 | Pela primeira vez em sete anos número de milionários cai no mundo - Folha de S. Paulo

Após crescimento consecutivo por sete anos, tanto a população de milionários no mundo quanto sua riqueza recuaram em 2018, indicou o relatório World Wealth Report 2019, publicado nesta terça-feira (9) pela consultoria Capgemini.

As justificativas principais da retração estariam, segundo o documento, na guerra comercial, que derrubou o desempenho da China, e no brexit, com as incertezas no mercado europeu.

No recorte pela população, o número de pessoas no mundo que tinham investimentos acima de US$ 1 milhão (R$ 3,8 milhões) recuou de 18,1 milhões em 2017 para 18 milhões no ano passado. 

Em relação às regiões, o maior recuo ocorreu na Ásia-Pacífico, com queda de 1,7%. Na outra ponta, o Oriente Médio apresentou o maior avanço, de 5,8%. Já a América Latina teve crescimento de 1,9%.

Sobre a riqueza dos milionários, o recuo global foi de US$ 70,2 trilhões (R$ 266 trilhões) em 2017 para US$ 68,1 trilhões (R$ 258 trilhões) em 2018 —perda maior que o PIB do Brasil, de US$ 1,8 trilhão.

A única região a apresentar crescimento nesse recorte foi o Oriente Médio, com alta de 4,3%. O pior desempenho veio da África —queda de 7,1%. A América Latina teve uma retração de 3,6%.

No caso do Brasil, embora o país tenha apresentado um avanço de 8% nos números de seus milionários (de 171 mil para 186 mil), a riqueza total recuou 3% no período.

Entre os desempenhos ruins, o documento destaca a Europa, que foi responsável por 24% da queda de US$ 2 trilhões da riqueza. 

Uma das explicações estaria na performance econômica do Reino Unido, que, após o anúncio de sua saída da União Europeia, passou a viver cenário de incertezas. A economia do país teve crescimento de 1% em 2018 —seu pior desempenho desde 2012.

Fatos e Notícias

Home Logo01
Home Logo02
Home Logo03
Home Logo04
Catho
Up Plan Logo 02